Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

O Zé de Dona Chica (conto completo)

Eu a avistei de longe... Cabelos tão brancos como os campos de cima da serra depois de uma forte geada. Pele enrugada - as marcas de décadas vividas... Usava uma roupa colorida - vestes de quem, apesar das dificuldades, tem esperança... Estava, sozinha, sentada em um banco da praça central... Olhar distante - como a contemplar o passado.     Eu não a conhecia... Jamais a tinha visto. Mas o frio do dia, iluminado pelos primeiros raios de sol, me fez sentir uma ternura por aquela solitária senhora. Eu a cumprimentei. Ela me olhou com os olhos cheios de expectativa... Pedia, mesmo em silêncio, um pouco de atenção.     Meus dias são corridos... Resolvi, entretanto, dedicar um pouquinho do meu tempo para aquela solitária senhora. Apresentei-me... Perguntei como se chamava. Ela, de pronto, me respondeu: - "Francisca. Mas me chamam Dona Chica".     Perguntei-lhe o que fazia, tão cedo, sozinha na praça. - "Admirando as pessoas que passam. Pensando na vida." Eu quis saber se t…

Últimas postagens

Coração aconchegante

Máquina do tempo

Presente das nuvens brancas

Perene inocência

Flores enciumadas

Clima inspirador

Alegre cumplicidade

Aquilo que vem de dentro

Inestimável patrimônio

Aniversário de valorização